Laura Adriana Albarellos recebeu o Prêmio Manuel Velasco Suárez à Excelência em Biotica


O Prêmio Manuel Velasco Suárez à Excelencia em Bioética foi entregue hoje no 51o. Conselho Diretor da OPAS à doutora Laura Adriana Albarellos, da Universidad de la Américas em Puebla, México, por uma proposta desenvolvida num quadro legislativo para a operacionalização de bancos de genes e bases de dados genéticas, de acordo com a Declaração Universal sobre o Genôma Humano e os Direitos Humanos e as diretrizes da UNESCO sobre Dados da Genética Humana.

“Este projeto traça um estudo sistemático da realidade social mexicana imperante desde seu núcleo vital constitutivo e constituinte e as conquistas e impactos em matéria de políticas públicas que não podem nem deven ser alheias às estruturas jurídicas que devam ser criadas ou modificadas”, disse, “para que no momento de abordar a constituição destes bancos genéticos, sua implementação não acabe num limbo legal que gere um vácuo perigoso para o destinatário para o qual foi pensado –sua população– nem caia na armadilha de intermináveis debates filosóficos”.

 
As respostas estão fechadas, mas você pode trackback de seu próprio site.